quinta-feira, 18 de fevereiro de 2016

PARES.



Essa foi a primeira vez que o vi. Ele estava escondido atrás de uma árvore perto de mim. Ele parecia bem apresentável. No dia seguinte, na cidade, ele descobriu que também sou míope. Naquela noite, sonhei que vivíamos juntos numa grande casa na cidade com uma enorme e bem iluminada cozinha. E eu usava uma calça azul e uma blusa verde apertada. E ele tirou minha roupa e comeu meu cu. E, enquanto ele me comia, um bandido entrou na cozinha e pegou as facas de carne da segunda gaveta e nos atacou, enfiando as facas nas nossas barrigas, uma de cada vez. Eu acordei aterrorizada.” 

The Lobster, filme escrito e dirigido pelo grego Yorgos Lanthinos, é uma estranha e seca visão do mundo onde as pessoas não podem mais viver sozinhas, tendo que procurar a qualquer custo semelhanças no outro para formarem um par. Seria um filme estranho se não falasse tando de como as relações são formadas neste mundinho onde vivemos.


   

Nenhum comentário: